gordura-1.jpg

GORDURA SUBCUTÂNEA

 

Acumula-se sob a pele, principalmente no culote, nas nádegas e nas pernas e produz a celulite

Células menores, que têm mais facilidade de se multiplicar e são mais sensíveis à insulina

Prejudica menos o metabolismo, mas é mais difícil de perder

Sua predominância caracteriza a obesidade ‘em formato de pêra’, considerada menos prejudicial à saúde

Aparência de ‘gordura mole’, mesmo quando localizada no abdome

Mais freqüente em mulheres, mas também pode estar presente em homens


 

GORDURA VISCERAL

Acumula-se nas camadas profundas do abdome, em volta dos órgãos

Células maiores, que se multiplicam pouco, mas são mais ativas e afetam o metabolismo

Células mais resistentes à insulina

É mais fácil de perder

Caracteriza a ‘barriga de cerveja’ – mesmo que a pessoa não beba

Sua predominância caracteriza a obesidade ‘em formato de maçã’, fator de risco para a saúde

Aparência de ‘gordura dura’

Mais freqüente em homens, mas também pode afetar mulheres